Marketing Médico: como deve ser utilizado?

Tempo de leitura: 8 min

Escrito por diogo
em setembro 30, 2022

Todo setor empresarial e corporativo, que depende da divulgação da marca e dos profissionais envolvidos no atendimento ao público, precisa de publicidade. Por isso o marketing médico tem ganhado cada vez mais espaço, cuja finalidade é promover a saúde e bem-estar das pessoas.

Pacientes e interessados recorrem cada vez mais aos canais online para buscar postos de atendimento, clínicas das mais diversas áreas da saúde e médicos especializados em tratamento e detecção das mais variadas enfermidades. 

Dessa forma, o marketing médico tem evoluído bastante, se tornando um processo sofisticado de encontrar maneiras criativas de se envolver com os pacientes.

Afinal, os pacientes também estão interessados ​​em retomar a jornada de saúde e se educar sobre o que um especialista da área da saúde faz, ou o que um cuidador de idosos Juiz de Fora pode oferecer para os clientes.

É por isso que é fundamental desenvolver uma estratégia eficaz de marketing, focado em médicos, para alcançar e educar pacientes novos e existentes.

O que é marketing médico?

Campanhas de marketing para médicos bem-sucedidas começam com o processo de desenvolvimento de estratégias de marketing e comunicação para alcançar seus objetivos.

Essa estratégia procura fornecer conteúdo e recursos valiosos aos pacientes em toda a continuidade do atendimento, e por isso utilizando diferentes meios de comunicação, entre as quais:

  • E-mail marketing;
  • Publicidade paga; 
  • Redes sociais;
  • SEO (Search Engine Optimization);
  • Sites;
  • Vídeos e podcasts.

O objetivo é melhorar o atendimento ao paciente que busca um serviço de conserto de tv próximo a mim, por exemplo, desenvolvendo uma linha aberta de comunicação entre provedores ou organizações de saúde e os pacientes. 

Como a internet mudou o setor de saúde

Os profissionais médicos precisam se atualizar constantemente, não só no campo de especialidade da área de saúde.

Há uma pressão sobre aqueles que trabalham no setor da saúde para ter bons sites, portais de pacientes, proporcionar formas de poder ser encontrados rapidamente e na primeira página dos buscadores de pesquisa. 

Tudo isso com a apresentação de informações precisas em todas as listas de diretórios e especialidades de atendimento médico e conhecimento abrangente sobre a saúde, de uma forma geral. 

Sendo assim, há uma demanda crescente para que eles possam criar conteúdo útil para aqueles que os acompanham no ambiente digital.

As pessoas se sentem atraídas por médicos que se consideram atualizados e tecnologicamente experientes, mas não ao ponto de entender sobre serviço de cuidadora de idosos Isso deve ficar para os especialistas do setor em questão.

Marketing médico na visão dos pacientes

A estratégia de marketing médico envolve alavancar um grupo coletivo de canais de marketing digital e offline.

O planejamento de marketing é desenvolvido com foco no direcionamento específico a pacientes novos e existentes, empregando práticas e sistemas hospitalares para melhorar o atendimento ao e gerar crescimento e receita.

Os pacientes tornam-se mais sofisticados na forma como utilizam e integram a internet na vida diária, buscando informações sobre instalações médicas com câmara frigorífica modular e outros equipamentos de uso da área da saúde.

Como resultado da publicidade constante, os pacientes tornaram-se um pouco resilientes às mensagens que recebem.

Eles também querem sentir que o marketing e a publicidade que consomem é extremamente centrado no paciente.

Felizmente, mais pacientes em potencial estão recorrendo à internet por meio de mecanismos de pesquisa e plataformas sociais para cuidar da saúde com as próprias mãos. 

Eles estão em busca de informações, práticas e hospitais para ajudar na busca da saúde ideal.

Estratégias essenciais de marketing médico 

Essa construção de cenário é importante, pois entender o ponto de vista do paciente leva aos benefícios quanto aos serviços de marketing médico.

Sendo assim, vale apresentar as dicas mais eficazes que se deve aproveitar na prática para alcançar e converter novos pacientes.

O marketing na área da saúde pode parecer esmagador sobre o que fazer e por onde começar, e é por isso que essas estratégias de marketing médico podem ser muito bem aproveitadas. 

  1. Profissionais especializados em marketing médico

O marketing médico pode ser essencial, conforme as necessidades de alcance junto aos pacientes, e a especialidade médica profissional, assim como a instalação de calhas para a proteção de estruturas imobiliárias. 

Trabalhar com um consultor especializado em marketing para pacientes e outros consumidores pode ajudar a preencher a lacuna. 

Esses consultores podem identificar os vários tipos de estratégias disponíveis para qualquer negócio de saúde, o que ajuda os profissionais do setor a entregar sempre o melhor.

Com a crescente ascensão da tecnologia e dos canais digitais, vale se concentrar no marketing online, pois é para esse polo que os consumidores estão se movendo. 

Os prestadores de serviços de saúde que seguem a tendência de migrar para o online estão sendo encontrados por mais pessoas.

  1. Posicionamento por meio de site profissional

O desenvolvimento de um site é fundamental para o sucesso profissional, pois ele se torna o centro de todos os esforços de marketing. 

O site é um local onde muitos processos de divulgação se originam, como formulários de contato, calendários de compromissos, portais de pacientes e muito mais. 

Esse canal também é o ponto de partida onde pessoas encontrarão o profissional, e as especialidades médicas praticadas, a princípio. Exatamente como quando procuram um serviço de insulfilm janela residencial e comercial, por exemplo.

  1. Produção de conteúdo interessante

Existe a necessidade de produção de conteúdo, que pode estar no site, ou em outro lugar, como blogs e redes sociais. 

Aliás, o blog, a divulgação de artigos de convidados, a produção de revistas eletrônicas e vídeos, entre outros canais de divulgação, são formas de conteúdo, que é tudo que as pessoas acessam ou compartilham online. 

Sendo assim, é preciso fazer valer a pena, isto é, deve ser um recurso para os consumidores. 

Produzir conteúdo oportuno, relevante e consistente que o público deseja, atrai mais pessoas para o profissional e o respectivo equipamento de saúde.

Quando alguém vê um conteúdo interessante e o compartilha, é possível obter tráfego gratuito para o site e melhorar a classificação de pesquisa nas plataformas de busca.. 

  1. Envio de e-mail marketing

O e-mail marketing ainda é uma das maneiras mais eficazes de alcançar pacientes em potencial. É também outra forma de compartilhar o conteúdo criado, sendo empregado desde escritórios que desenvolvem projeto de arquitetura de interiores até clínicas médicas especializadas.

Ao capturar endereços de e-mail por meio do inbound marketing, o profissional, ou a empresa da área de saúde, tem pessoas que buscam por informações, para que fiquem mais engajadas. 

É preciso ter a certeza de que se sintam valorizados para que fiquem por perto.

  1. Importância das redes sociais

As redes sociais possuem diferentes formatos e, dessa maneira, ajudam na divulgação de conteúdo, além de auxiliar na hora de obter avaliações, conseguir mais assinantes de e-mail marketing, educar o consumidor e aumentar o engajamento. 

Isso porque tudo ocorre em tempo real e interage com os consumidores de forma interativa. 

Ao postar dicas de saúde, eventos especiais, novas pesquisas e outros conteúdos, o profissional constrói confiança, o que se torna um fator-chave na aquisição de pacientes. 

No entanto, como as plataformas de rede social geralmente mudam os algoritmos, como os usuários enxergam o conteúdo, e favorecem postagens pessoais em vez de conteúdo comercial, pode ser difícil alcançar o público sem pagar para promover as postagens.

  1. Avaliações com origem dos pacientes

Muitos pacientes começam a busca por um novo médico usando avaliações online.  

Por isso é preciso estar ciente das avaliações relacionadas à prática e aproveitar essa oportunidade de responder para agradecer aos pacientes e tentar resolver as experiências negativas.

  1. A publicidade ainda é uma necessidade

A publicidade é necessária, ainda que seja preciso se concentrar em colocar os aspectos fundamentais antes de começar a pagar pelos anúncios. 

De uma maneira ou de outra, eles são necessários, principalmente porque os algoritmos mudam e dificultam o alcance do público pelas redes sociais. 

Os anúncios são uma espécie de megafone para divulgar um nome ou serviços de empresas de segurança patrimonial, por exemplo, o que serve também para hospitais e clínicas médicas, e eles estão presentes nas redes sociais, nos portais de notícias e nas plataformas de pesquisa. 

Qual deles usar depende de onde o público está. O Google, por exemplo, ajuda a direcionar as pessoas para um site e geralmente cobra por clique.

Os anúncios do Facebook podem direcionar as pessoas para uma página ou site específico, e são um bom caminho para atrair a atenção do público que está nas redes sociais. 

  1. Acompanhamento de estratégias

Depois de implementar uma estratégia de marketing médico, é preciso testá-la para garantir que se está aproveitando ao máximo. 

Há diferentes ferramentas e soluções de análise, como o Google Analytics, para acompanhar o desempenho da estratégia e conhecer áreas que precisam ser aprimoradas.

Também é válido mensurar o desempenho usando métricas rígidas, como custo por lead, taxas de conversão em páginas de destino e tráfego da internet para saber se a empresa está no caminho certo com a estratégia.

 Conclusão

O setor de saúde se torna competitivo a cada dia. É trabalho da equipe e dos profissionais de marketing médico manter-se atualizados sobre as últimas tendências para maximizar a conversão de leads e o ROI (Return Over Investment), ou seja, o retorno sobre investimento.

À medida que a tecnologia avança, o marketing digital de saúde também evolui para criar novas oportunidades de propaganda. 

Por fim, o que vale é combinar as estratégias apresentadas para destacar os negócios de saúde frente à concorrência e com direcionamento certo para os pacientes que mais precisam dos serviços profissionais médicos. 

Texto originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, canal em que você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade