Erosão dentária; entenda

Tempo de leitura: 4 min

Escrito por lucas
em novembro 30, 2022

Você sabe o que é ou já ouviu falar em erosão dentária? Esse é um problema comum que é provocado por substâncias ácidas em nossos dentes, normalmente através da alimentação. 

Sendo assim, é importante se dar conta desse perigo e tentar evitá-lo, já que esse problema pode afetar 1 em cada 4 pessoas. 

Além disso, a maioria dos pacientes que apresentam esse problema acabam se dando conta deles apenas após o surgimento de sintomas. 

Isso porque, esse é um problema silencioso e imperceptível, principalmente quando não se tem conhecimento sobre a existência da erosão dentária, as maneiras com que ela é formada ou como evitar a questão. 

Sendo assim, confira a seguir tudo o que precisa saber sobre a erosão, quais os riscos de acabar sofrendo esse problema, mesmo que seja um paciente que utilize lente de contato dental

Além do mais importante de tudo, tenha ainda mais conhecimento sobre a complexidade da saúde bucal para construir também uma vida de maior qualidade. 

O que é erosão dentária?

A erosão dentária nada mais é do que um processo que acontece nos dentes, e tem como principal característica o fato de causar um desgaste neles. 

Ademais, tem a redução do tecido dental, o que por consequência pode provocar uma perda dos tecidos dentais devido ao ataque químico de substâncias ácidas. 

Dessa forma, o primeiro tecido atingido pela erosão dentária é justamente o esmalte, que apesar de ser o tecido mais duro do corpo humano. 

Portanto, acaba sendo desgastado por essas substâncias ácidas e assim, acaba expondo a dentina, o que deixa a saúde bucal fragilizada, mesmo em pacientes que utilizam aparelho dental de porcelana.

Portanto, é possível concluir que a erosão dental pode ser definida como a perda de estrutura dentária causada por um processo químico pela ação de ácidos e sem envolvimento bacteriano.

Como ocorre o processo?

De acordo com profissionais dentistas, a erosão pode acontecer por fatores naturais ou questões externas. 

Portanto, para entender como tudo isso funciona e não precisar pesquisar sobre clareamento dental preço, por exemplo, confira a seguir os dois tipos de erosão dentária. 

  1. Erosão intrínseca 

Esse tipo de erosão pode ser causada por ácido gástrico ou refluxo decorrente de problemas médicos ou psicológicos, como:

  • Xerostomia, diminuindo a ação protetora da saliva;
  • Refluxo ácido;
  • Anorexia;
  • Bulimia.

Essas são algumas das causas para uma erosão intrínseca. Então, veja mais sobre a extrínseca. 

  1. Erosão extrínseca

Já a erosão extrínseca, ou seja, causada por fatores externos, normalmente está relacionada a alimentação do paciente e suas escolhas de alimentos, como por exemplo:

  • Refrigerantes;
  • Sucos de frutas ácidas;
  • Alimentos ácidos;
  • Medicamentos.

Desse modo, veja mais como evitar essa erosão, além das formas de tratamentos existentes. 

Como evitar a erosão dentária?

Assim como qualquer outro problema dentário, para evitar a erosão dentária, o primeiro passo é descobrir o que motivou a sua causa. 

Para isso, é preciso ter noção de que esse problema pode afetar pessoas de qualquer idade, mas podem ser prevenidas através de consultas periódicas, adequação da dieta e acompanhamento médico, por exemplo.

Sobre o modo de prevenir a erosão, deve ser feito um acompanhamento, como:

  • Verifique a frequência de consumo de alimentos ácidos;
  • Aconselhe o paciente à visitar um nutricionista;
  • Questione o paciente se ele está sofrendo de refluxo gástrico;
  • Veja os dentes atingidos e qual o melhor tratamento. 

Vale lembrar que, mesmo já tendo sofrido alguma erosão, é possível buscar tratamento, tanto para doenças bucais que possam ter surgido através dessa erosão, como para os fatores estéticos. 

Isso porque, esse problema pode escurecer os dentes, revertendo essa consequência através de um clareamento dentário, por exemplo. 

Em suma, erosão dental, se tratada no início e com um monitoramento da dieta e acompanhamento do caso clínico, pode apresentar um excelente prognóstico. 

Entretanto, se estiver em uma situação mais grave, pode ser preciso a intervenção com um processo mais intensivo. 

Como tratar a erosão dentária?

Assim como já mencionado anteriormente, o tratamento pode ser realizado através da consulta com um profissional dentista. Basta pesquisar por termos como: preço clareamento dental, que encontrará profissionais com facilidade. 

Além disso, é importante salientar que o tratamento é indicado de acordo com o grau de desgaste da estrutura dental. 

Nos primeiros casos, são feitos tratamentos antigos, como aplicar selantes e agentes adesivos para diminuir a progressão da lesão. 

Conteúdo desenvolvido pela equipe do Conviva Melhor, blog criado com o intuito de melhorar a saúde e o bem-estar por meio de conteúdos que reforçam a importância dos cuidados regulares.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade