Dente doente, corpo doente: entenda a relação

Tempo de leitura: 3 min

Escrito por mcoutinho
em fevereiro 6, 2022

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Compartilhe agora mesmo:

Dente doente, corpo doente: entenda a relação

Embora pareçam distantes, os órgãos do corpo humano possuem uma relação direta entre eles. No processo de equilíbrio chamado homeostase, os problemas em uma região podem interferir em outras. Por isso um dente doente pode ser o precursor de outras doenças.

Em todos os casos, os cuidados prévios garantem ao indivíduo sempre estar um passo à frente do desenvolvimento de doenças, isso porque um diagnóstico no início permite tratamentos mais rápidos e menos invasivos antes que o mal seja maior.

Possuir um convênio, dentre diversas opções no mercado, como um plano odontologico empresarial, ajuda a manter uma rotina de consultas necessárias a quem quer estar sempre precavido.

A seguir, entenderemos como uma doença bucal pode estar relacionada com outros órgãos, e como outras patologias podem interferir na saúde dos dentes.

Condições que podem interferir na saúde bucal

Algumas doenças, quando não controladas, desequilibram o mecanismo natural do corpo humano, debilitando o organismo que acaba não conseguindo lutar contra organismos invasores.

A diabetes é um exemplo, os níveis de açúcar elevados no sangue, dificultando que as células do sistema imunológico atuem com completa eficiência, tornando o organismo mais susceptível às infecções.

Estudos apontam que doenças periodontais, ligadas às gengivas, possuem maior incidência em pessoas com a glicemia fora de controle.

A osteoporose é outra enfermidade que atinge a cavidade oral, por ser uma doença relacionada com a perda da absorção dos minérios de cálcio, causando a acelerada perda da massa óssea, estando ligada a perda de estruturas das raízes e quedas dos dentes.

Fique atento ao seu corpo e tome os devidos cuidados, pois é sempre mais barato prevenir.

Existem no mercado planos de convênio que realizam os tratamentos básicos, como o plano empresarial odontologico, para empresas que querem dar suporte aos funcionários e cuidar da saúde como um todo de seus contratados.

Com essas condições, se sua empresa fornece plano de saúde ou odontológico, aproveite para fazer o uso e cuidar para que um problema menor não se torne algo pior.

Se você é pessoa jurídica, vale a pena procurar por um plano dentario para mei. Sempre terá uma opção que seja mais específica para sua necessidade.

Condições dentais ligadas a outros problemas de saúde

A região da boca concentra um grande acúmulo de bactérias, ali elas encontram um ambiente muito propício para sua proliferação, pois conta com bastante umidade e açúcares, obtidos através da nossa própria alimentação.

Além disso é uma região de certa forma “desprotegida” pois é mais fácil uma bactéria adentrar o organismo através da boca em contato com a saliva do que pela pele, por exemplo.

A partir disso, esse acúmulo pode passar de uma placa bacteriana para uma cárie, ou atingir a região periodontal, tornando-se uma gengivite.

Se alguma bactéria desta região chegar a corrente sanguínea, ela passará por todos os órgãos, podendo se aderir e começar o processo inflamatório também destes outros órgãos.

Algumas doenças ou problemas então, podem ter surgimento a partir de bactérias que inicialmente estavam na boca, e não foram tratadas a tempo, sendo algumas delas:

  • Endocardite, inflamação da parede da membrana interna do coração;
  • Infarto;
  • AVCs;
  • Parto prematuro.

As doenças cardíacas com frequência tem sua origem em problemas periodontais, uma vez que essas bactérias podem causar inflamação do coração, alterando a frequência sanguínea ideal.

Quanto mais tempo a bactéria permanece na região, maior chances dela ganhar forças, por isso a importância de um acompanhamento regular, opções como convenio odontologico empresarial vieram para tornar mais fácil e acessível o acompanhamento.

Como manter em boas condições a saúde bucal

Além da rotina de consultas que permitem um diagnóstico prévio e assim um tratamento facilitado para eventuais doenças que já tenham se manifestado, alguns cuidados básicos devem ser feitos em casa no cotidiano.

Uma correta escovação, não só dos dentes como da língua, fazendo a troca a cada 3 meses da escova, pois as cerdas se deterioram e não cumprem mais sua função, e o uso de fio dental, removendo os restos alimentares, são essenciais ao tratamento preventivo.

Alinhe isto a idas ao dentista que você pode encontrar facilitado em algum plano odonto empresa e não corra riscos de que uma pequena infecção se desenvolva para o resto do corpo.

Conteúdo desenvolvido pela equipe do Conviva Melhor, blog criado com o intuito de melhorar a saúde e o bem-estar por meio de conteúdos que reforçam a importância dos cuidados regulares.

Compartilhe agora mesmo:

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.