Cuidados com seu pet antes e depois da quarentena

Tempo de leitura: 2 min

Escrito por admin
em outubro 22, 2021

A pandemia de Covid-19 mudou drasticamente a vida de milhares der pessoas, que tiveram que passar mais tempo em casa devido o isolamento social.  A rotina das famílias foi diretamente afetada, o que inclui o relacionamento e cuidados com o pet neste período.

Por mais que cada animal tenha sua personalidade e rotina, é consenso entre os tutores que a necessidade de passar mais tempo em casa gerou aproximação com os bichinhos, além de ser um importante conforto para os momentos de solidão ou ansiedade. Por outro lado, há também uma grande preocupação em relação aos cuidados com o pet quando os humanos voltarem à rotina pré-pandemia.

Cuidados com o pet durante a quarentena

Dar carinho e atenção aos animais de estimação é um dever dos tutores, assim como zelar pela saúde e bem-estar dos pets. Porém, isso não significa necessariamente que passar o dia inteiro com os bichinhos traga apenas efeitos positivos. É necessário estar atento, por exemplo, para que não seja criada uma dependência emocional entre o pet e seu dono.

Para os tutores de cães que tinham o hábito de passear, mas acabaram reduzindo as saídas por causa do isolamento social, também pode ser necessário adaptar a rotina para que o animal não desenvolva obesidade.

Entre os cuidados com o pet, portanto, é preciso estimular brincadeiras, exercícios e investir em enriquecimento ambiental.

Como preparar o pet para a flexibilização da quarentena?

É esperado que em breve as pessoas retomem sua rotina e passem mais tempo fora de casa. Como os pets reagirão a isso? O ideal é que seja feita uma readaptação gradual para a nova realidade, evitando mudanças repentinas e que os animais não conseguirão entender.

Para quem já tem uma data marcada para a volta ao trabalho presencial, uma dica é fazer um planejamento que permita aumentar gradualmente seu período de ausência. Saia um pouco de casa, aumentando de pouco em pouco o tempo que fica longe do pet. Dessa forma, ele entenderá que você sempre volta ao final do dia.

Anote outras dicas que podem ajudar neste processo de readaptação:

  • Invista em enriquecimento ambiental, mantendo o pet entretido enquanto está sozinho;
  • Respeite e mantenha os horários de alimentação do pet, assim como outros aspectos de sua rotina;
  • Tenha cautela ao fazer “festinha” ao chegar em casa. A maioria dos especialistas em comportamento indica esperar que o animal se acalme antes de falar com ele;
  • Não trate o momento de sair de casa como um momento grandioso ou que merece tristeza. 

Cuidados com o pet: não esqueça do veterinário

Por conta da quarentena, muitas pessoas adiaram compromissos e planos. Com a retomada gradual da rotina, porém, é necessário se atentar aos cuidados que fazem parte da rotina do pet, mas que podem ter sido deixados para depois. É o caso das consultas regulares com o veterinário, da manutenção das vacinas e da administração de antipulgas.

Não descuide da saúde do seu amigo de quatro patas, especialmente em um momento tão delicado como o que estamos vivendo!

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade