Tudo o que você precisa saber sobre contabilidade na gestão empresarial

Tempo de leitura: 7 min

Escrito por lucas
em outubro 26, 2022

Não há como empreender sem que se leve em consideração alguns pontos para um crescimento amplo e saudável. Por isso, é fundamental entender a importância da contabilidade na gestão empresarial.

É muito comum que o entusiasmo de um novo investimento empresarial traga ao empresário um certo nível de empolgação que incida na vontade de abraçar o mundo e atuar em todas as áreas da empresa. 

No entanto, é impossível que uma pessoa consiga exercer todas as funções com o conhecimento específico que elas impõem. Com isso em mente, fica latente a busca por profissionais capacitados para cuidar de determinadas áreas.

Uma empresa de serviços de jardinagem e paisagismo que foi fundada por um arquiteto, não possui em sua perspectiva, as ferramentas necessárias para manter uma boa gestão contábil, por exemplo.

Sendo assim, torna-se imperativo para qualquer empresa que está começando em algum segmento que todas as funcionalidades que não a competem sejam desempenhadas por profissionais gabaritados.

Do ponto de vista da contabilidade, é importante tomar alguns cuidados que nem sempre a gestão da empresa conseguirá ter o foco necessário.

Em uma busca por contratar faxineira, é possível que os empresários deixem passar algo, por isso, para reter todos os detalhes da contratação é necessário que um profissional de contabilidade seja contratado.

Portanto, é importante ressaltar algumas vantagens de se ter um foco responsável na contabilidade para gestão empresarial:

  • Foco nos negócios;
  • Maior segurança;
  • Alocamento preciso de investimentos;
  • Controle das contas.

Diante disso, é importante dizer os porquês de cada uma dessas vantagens serem representadas pela contratação de um contador.

Do ponto de vista dos negócios da empresa, fica claro que as preocupações com as contas podem prejudicar o desenvolvimento de outras áreas. Portanto, com essa área guiada por profissionais competentes torna-se possível avançar em inovações.

Outro aspecto a ser mencionado é o da segurança, se uma empresa de fechamento de terraço com vidro tiver que declarar o seu faturamento, com um contador, a chance disso ser mais seguro e com poucas chances de erro é maior.

As outras duas vantagens tem um caráter muito claro: se o investimento e a receita são controladas de forma rígida, é possível implementar boas estratégias com um alojamento adequado de recursos.

Contabilidade: o que é?

A contabilidade aplicada ao ambiente empresarial tem um objetivo muito simples: fazer o controle das contas de uma empresa. 

Mas não se pode reduzir essa função a um desenvolvimento simplório. Apesar de possuir um aspecto de controle, ele só se torna possível a partir de determinados critérios que devem ser seguidos.

Uma fábrica de divisória de pvc com porta sanfonada, por exemplo, tem que fazer todas as declarações e controles adequados de suas contas. Seja no fluxo de caixa, até os salários a serem pagos, é fundamental ter controle sobre gastos e lucros.

Para isso, um contador fará um levantamento legal dos impostos a serem pagos, salários, investimentos e receita. Diante disso, já é possível ter um panorama completo do controle de contas para que seja possível seguir com a sua compreensão.

Esse entendimento terá de ser o ponto de partida para novos investimentos e também um aspecto de crítica para a vida interna financeira de uma empresa.

Por exemplo, se há um fluxo negativo é importante que os investimentos sejam reduzidos a fim de mitigar os danos.

Além disso, se não houver uma boa prática de declaração e pagamento de impostos, isso pode, inclusive, incidir no fim do negócio.

As vantagens

A partir da contratação de um escritório ou de profissionais de contabilidade para a gestão de contas de uma empresa, alguns resultados positivos podem ser sentidos logo de cara por um contratante.

Mais do que uma busca por melhorias, a implementação responsável de contabilidade saudável é um fator irremediável.

Não há como garantir uma boa gestão sem que se tenha um controle rigoroso de todo o fluxo de capital que a empresa movimenta.

Uma empresa de restauração de piso laminado foca nos materiais para essa realização. No entanto, existem outros fatores que precisam ser analisados nessa relação.

Por exemplo, existe o investimento a ser feito: maquinários, madeira, tinta e verniz. No entanto, também existem os custos do capital humano: salários e benefícios.

Nesse sentido, alguns custos precisam ser equacionados pelo contador a fim de compreender de forma ampla os investimentos.

Existe também, um outro ponto a ser destacado. Acima de qualquer coisa, uma marca precisa estar em dia com a legislação vigente.

Seja a partir da esfera municipal, estadual e federal, é importante que todos os impostos e encargos sejam encarados de forma séria.

Para um empreendedor que está buscando sempre ter novas ideias para o seu negócio, ao se preocupar com todos os detalhes de cada uma dessas esferas, perde o seu vigor. 

Ou seja, além de vantajosa, a contratação de profissionais de contabilidade na gestão empresarial é imprescindível.

Aplicação

Com base em tudo que foi dito até aqui, já é possível entender como se dá a aplicação dessa modalidade.

É fato que uma gestão empresarial demanda muita responsabilidade. Entretanto, é necessário entender quais são os detalhes que a fundamentam.

Nesse sentido, vale detalhar um pouco mais a questão e os benefícios da contabilidade na gestão empresarial.

Fluxo de caixa

O primeiro aspecto fundamental no qual um profissional de contabilidade precisa se debruçar é o fluxo de caixa.

Por exemplo, uma empresa que fabrica pigmento para tinta branca tem toda a sua movimentação registrada.

Isso significa dizer que os investimentos para a produção do pigmento serão colocados diante da receita que a sua venda gerou.

Esse ponto pode fornecer ao contador uma perspectiva de saúde financeira da empresa em questão. No entanto, se houver uma saída de capital maior que entrada significará um fluxo negativo, já o seu oposto significa um fluxo positivo.

Saída de capital

A análise antecipada de todas as contas pode fornecer dados sobre o fluxo de caixa. No entanto, é necessário entender quais são as contas a serem pagas.

Por exemplo, uma fábrica de pergolado de madeira para piscina tem que pagar seus fornecedores, a manutenção de seu maquinário e seus funcionários.

Além disso, também existem os impostos a serem quitados por parte da empresa e seus segmentos.

Portanto, é fundamental que haja um rigor metodológico na análise das contas a pagar, para que nada fique em débito.

Entrada de capital

Esse ponto diz respeito ao faturamento total da empresa. Ou seja, é referente ao seu caráter de receita sem que se leve em consideração as despesas e gastos.

Esse número bruto pode nortear todas as outras perspectivas de investimentos e lucros que uma empresa pode ter.

Acompanhamento

Com a implementação feita e as contas da empresa compreendidas pelo contador, é importante manter um acompanhamento periódico.

Esse rigor precisa nortear sempre uma boa prática empresarial. Ou seja, é necessário que um acompanhamento seja feito de forma permanente.

Só a partir disso que será possível da empresa entender quais são os rumos de seu capital e como investigá-los.

Se uma empresa que presta serviços de semi reboque carrega tudo está buscando sanar as suas contas, é importante que o contador esteja atento.

Por exemplo, é possível que as legislações correspondentes a esse tipo de serviço mudem em alguma esfera e, portanto, incida em novos mecanismos de impostos.

Por isso, o acompanhamento permanente e constante é fundamental. Outra coisa que pode acontecer é a expansão da empresa.

Supondo que houve um aumento significativo de sua receita, pode ser que ela já não se enquadre mais no modelo empresarial anterior. Isso também pode ser notado pelo aumento ou diminuição do quadro de funcionários de uma empresa.

Considerações finais

Com base em tudo que foi levantado até aqui, é importante salientar que a contabilidade na gestão empresarial tem de ser um fator irrevogável.

A partir da compreensão do que significa essa modalidade, fica latente a sua aplicação na vida financeira de um negócio, independente de qual seja seu segmento.

Ao se debruçar sobre esses aspectos, um contador abre espaço para que a gestão da empresa foque em suas especialidades.

Além disso, não há como ignorar o seus aspectos legais, ou seja, é preciso estar atento às dinâmicas legais e governamentais a partir desses mecanismos.

Para isso, o contador irá focar em alguns aspectos fundamentais da empresa para compreender suas contas.

A primeira delas é o fluxo de caixa. Esse ponto tem de ser a partida para que se possa seguir para outros aspectos.

A entrada e saída de capital, ou seja, as despesas e receitas da empresa têm de ser analisadas e saneadas.

Por fim, a partir disso, já é possível ter um acompanhamento rigoroso para que não se incida em nenhum tipo de problema legislativo ou financeiro.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade